sexta-feira, 25 de março de 2011

Nostalgia




"Nostalgia descreve uma sensação de saudades de um tempo vivido, frequentemente idealizado e irreal.

Nostalgia é um sentimento que surge a partir da sensação de não poder mais reviver certos momentos da vida.

O interessante sobre a nostalgia é que ela aumenta ao entrar em contato com sua causa e não diminui como o sentimento da saudade."


Todos nós, em algum momento da vida, relembramos os bons momentos, principalmente da infância! Ontem eu estava assistindo algumas aberturas dos meus desenhos e programas favoritos quando era criança, foi completamente nostálgico! Eu comentei com a minha mãe sobre isso e disse que sentia saudades da minha infância... Então ela me perguntou o "por quê" dessa saudade se, quando eu era criança, nós passamos tanta dificuldade. E aí vai a resposta, mãe:

Quando eu era criança, as coisas que realmente faziam sentido pra mim e que eu me importava não eram "nada" comparadas com as responsabilidades que adquirimos ao longo da vida, conforme crescemos. Eu nunca me importei se tinha algo ou deixei de ter. Eu tinha tudo o que precisava. Imaginação. É, isso eu tinha, e MUITO! HAHA.

Eu não tive irmãos, aliás, eu não tenho irmãos, mas isso não me fez infeliz, como muitos pensam. Eu devia ter uns 20 amigos imaginários e, pode ter certeza, eles superavam qualquer irmão! keoapkeaopkeaop. Quando eu não tinha um brinquedo que eu queria, ou minhas bonecas precisavam de roupas, talvez acessórios, eu mesma fazia e me orgulhava das minhas obras de arte, que cá entre nós, muitas vezes deixaram a desejar! kkkkk.

Quando se é criança, é claro que ter algo que se quer, é incrível! Mas se não se pode ter, logo passa e se supera! Nos meus tempos de criança, eu passava mais tempo brincando com o que não existia do que com o que existia, e eu era MUITO feliz!

Eu posso não ter tido irmãos pra brincar comigo, ou coisas caras que toda criança quer, mas eu amei cada segundo daquele tempo, se pudesse faria tudo de novo! Eu amei tudo o que tive, tudo o que fez parte dessa época maravilhosa. As horas de desenho animado, a "preguicinha" da manhã, os biscoitos comidos aos poucos e as invenções sem pé nem cabeça, foram mais do que legais, foram essenciais. D'us cuidou para que, quando chegasse hoje, eu olhasse pra trás e dissesse: VALEU A PENA!

Ele cuidou e tem cuidado de mim - sempre -, então, mãe, vê se não esquenta e curte o momento... ;D

Eu falei que dá vontade de voltar a ser criança, mas eu não trocaria as responsabilidades que tenho que assumir hoje, porque a vida é um livro cheio de capítulos, e agora, meus amigos, estou escrevendo mais um! :D

Crianças, aproveitem o maior presente de D'us nas suas vidas, a imaginação!


Obrigada e Have Fun!

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Você existe! É importante que todos saibam isso, que você existe, é e o melhor presente que D'us me deu. Eu agradeço todos os dias por sua existência e por poder conviver com você! Que D'us te abençoe! Mamãe.
    Ps: Avisa o Pr.Marcos Cunha que você existe.

    ResponderExcluir